Início » Arquivo por categoría

Artigos em "Vale a pena ler"

Xerazade, o Rei e as Palavras

image

Do livro Sonhos Proibidos de Fatima Mernissi, explicação da origem do título da recolha de contos árabes As Mil e Uma Noites. A figura de Xerazade. O poder da(s) palavra(s).

É possível o livre arbítrio?

Free Will

É possível o livre arbítrio? Sam Harris, no livro Free Will, defende que não.

Por que há algo em vez de nada?

Lawrence Krauss

A Universe from Nothing: Why There is Something Rather than Nothingg, do físico estado-unidense e polémico divulgador da ciência Lawrence M. Krauss, procura desmontar, a partir da Cosmologia, a crença no sobrenatural como origem do universo.

Problemas de Filosofia da Religião

Algumas das questões de Filosofia da Religião, resultantes dos mais importantes avanços na Filosofia da Religião na segunda metade do século XX e primeiros anos do século XXI.

O resto é ruído

O resto é Ruído

Em “O resto é ruído” ouve-se a história do século XX, através da sua música. Um livro magistral.

Recordo, a propósito, o escândalo da “Sagração da Primavera” de Stravinsky, através de uma pequena “síntese” de 4 interpretações.

Acordar

Alive, uma canção de Mara Carlyle, evoca o espanto infantil com o despertar, o espanto por o mundo estar ainda aí, por a pessoa que acorda continuar a existir. Qual a razão de tal espanto?

Por que razão, embora aconteça todos os dias, pode o despertar surpreender-nos ainda?

Embora pareça banal, acordar é uma das acções mais profundas que podemos levar a cabo.

Vale a pena ler…

Vale a pena ler

Aproveitando o desconto de 20% sobre o preço dos livros, nos dias do aderente Fnac, comprei três:
» Está tudo ligado: o poder da música, de Daniel Barenboim;
» História do pensamento estético em Portugal de Fernando Guimarães;
» Justiça: fazemos o que devemos? de Michael J. Sandel.

Uma introdução à História

A História do Mundo em 50 frases

Este livro faz “uma viagem à história da humanidade, desde o nosso passado mais remoto ao presente, através de cinquenta frases célebres”. Da primeira, a famosa “Conhece-te a ti mesmo”, à 50ª (“O eixo do mal” de George W. Bush), a viagem dura 2600 anos, num percurso pela nossa cultura e a nossa história. São frases conhecidas de filósofos, de políticos, de cientistas… São o ponto de partida para a análise das personalidades que as proferiram e das suas visões do mundo, bem como do contexto histórico em que foram ditas.

Alguns livros recomendáveis

Alguns livros que vale a pena ler.

?php get_sidebar(); ?>