Início » 10º ano, Filosofia, Filosofia da religião, Poesia

Panteísmo

Enviado por |

O panteísmo é uma teoria filosófica. Defende que Deus é tudo e tudo é Deus; Deus e o universo são um.

O panteísmo distingue-se

  • do panpsiquismo, segundo o qual tudo é vivo ou pensante;
  • do penenteísmo, segundo o qual o mundo é Deus, mas Deus é mais do que meramente o mundo.

Um dos filósofos “etiquetados” de panteísta é Avicena (980-1037). E, ainda mais, Espinosa (1632-1677).

Como escreve Nigel Warburton, em Grandes Livros de Filosofia (Lisboa: Edições 70, 2001, p. 72), Espinosa, enquanto panteísta, defende que

“só pode haver uma substância (posição conhecida por monismo) e que essa substância é Deus. As consequências de tal conceção é que tudo o que existe, existe de alguma forma em Deus. Deus não criou a natureza, Ele é a natureza. Espinosa refere “Deus ou a Natureza”, equiparando, aparentemente, os dois. O pensamento e a extensão (a ocupação do espaço físico) são apenas dois dos infinitos atributos divinos, aqueles a que temos acesso”.

Avicena[Avicena]

José Carlos Ary dos Santos deu o título de Panteísmo a um dos seus poemas. Convido o leitor a analisá-lo e a justificar se esse título foi bem escolhido (por favor, use a caixa de comentários).

PANTEÍSMO

De mãos postas adoro o temporal
No altar do vento norte que assobia
E ajoelho-me na frente da alegria
Comungando a loucura do meu mal.

Rezo às colmeias e ao sabor do sal
Desprezando os espinhos da agonia;
Mordo a carne a sangrar do meio-dia,
Numa fome de vida sem igual.

Que me importa a minha alma, só, perdida,
Se nela tenho, alucinada e forte,
A chama dum vivíssimo farol?

Se eu amo a vida hei de adorar a vida,
O sonho, as ilusões, a própria morte,
Tendo por Deus o resplendor do Sol!

Também as Odes Modernas de Antero de Quental incluem um conjunto de poemas com o título geral de Panteísmo. Encontra-os aqui, com algumas “linhas de leitura”.

Tags:

Deixe um comentário!

Escreva o seu comentário a seguir, ou o trackback do seu próprio sítio da Web.

Respeite a netiqueta e o assunto em discussão. Ativámos a moderação de comentários para filtrar o spam; por isso, o seu comentário pode levar algum tempo a ser publicado.

Pode usar estas etiquetas:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Este blogue utiliza Gravatars. Se ainda não tem um, crie-o em Gravatar.